Associados
Tamanho da fonte: 1 2 3
21/11/2019 - 19:29:17

22ª Mostra SESC Cariri de Culturas mudará para 1º semestre de 2020

SINDIEVENTOS

 

 

O Sistema Fecomércio CE, SESC, SENAC IPDC, em encontro com prefeitos da região do Cariri (Ceará), ficou definido um novo mês para a realização da Mostra Sesc de Culturas Cariri. A partir de 2020, a Mostra passará a acontecer no mês de maio. A ideia é potencializar o interesse pelo Cariri e pela Chapada do Araripe, a partir do potencial turístico, num período de clima mais ameno, além de conciliar a utilização de atrativos turísticos e atividades ao ar livre. 

A reunião aconteceu na manhã do sábado, 09, no Hotel Iu-á, em Juazeiro do Norte.

O encontro, conduzido pelo presidente do Sistema Fecomércio, Maurício Filizola, contou com a participação do vice-presidente da CNC, Luiz Gastão Bittencourt. Também presente, o secretário estadual da Cultura, Fabiano Piúba e o Deputado Federal, Roberto Pessoa. Prefeitos presentes: Prefeitos presentes:  Aniziário Jorge Costa (Jardim);  Argemiro Sampaio Neto (Barbalha); Jos

é Arnon Cruz Bezerra de Menezes (Juazeiro do Norte); Teresa Maria Landim Tavares (Brejo Santo); Maria É Braga Mota (Prefeita em exercício de Assaré) e o secretário de Finanças Antônio Olímpio, representando o município de Santana do Cariri.

Durante a Mostra também aconteceu mais uma inauguração de um Museu Orgânico, desta vez num distrito do Crato - Museu da Mestra Zulene. 

Com mais de 20 anos de história, a Mostra Sesc de Culturas Cariri une, mais uma vez, arte, cultura e solidariedade, convidando o público a doar alimentos não perecíveis durante toda a programação. De 08 a 12 de novembro, acontecem mais de 300 atividades gratuitas em 23 cidades do Cariri com diferentes linguagens, como artes cênicas, artes visuais, música, literatura e audiovisual. 

Consolidada como um dos maiores projetos de difusão das artes do Brasil, a Mostra Sesc de Culturas Cariri proporciona múltiplas experiências estéticas e de imersão cultural na região. Mais do que nunca, o encontro deste ano está baseado na conexão entre tradição e contemporaneidade, unindo brincantes, mestre de tradição, artistas, pesquisadores e público em geral. 

Uma oportunidade de trocar ideias e experiências, a partir do intercâmbio de conhecimento. O fazer artístico e suas variadas expressões, questões de acessibilidade, sustentabilidade, manifestações populares, patrimônio imaterial e memória social são apenas alguns dos temas que vão ser discutidos e partilhados ao longo dos cinco dias da Mostra. (de 08 a 12 de novembro de 2019)


Comentários





Document