Associados
Tamanho da fonte: 1 2 3
29/05/2019 - 13:42:27

Número de turistas estrangeiros cresce 44,2% na alta estação no Ceará

SINDIEVENTOS-CE

Entre dezembro de 2018 e fevereiro de 2019, 93 mil turistas internacionais visitaram o Estado. A renda gerada pela atividade saltou 9,8% em relação à alta estação anterior, movimentando R$ 5 bilhões durante a temporada.

Entre os destinos cearenses mais visitados na última alta estação, de acordo com o balanço, destacam-se Jericoacoara, Canoa Quebrada, Porto das Dunas, Fortaleza, Cumbuco, Praia das Fontes, Morro Branco e Cariri.  

Em reflexo ao aumento de voos internacionais no Ceará, o volume de turistas estrangeiros que visitaram o Estado cresceu 44,2% na alta estação de 15 de dezembro de 2018 a 28 de fevereiro de 2019 frente a igual período anterior, revelam dados da Secretaria de Turismo do Estado (Setur). O resultado fez com que a renda gerada direta e indiretamente pela atividade turística desse um salto de 9,8% em relação à alta estação anterior, crescendo de R$ 4,5 bilhões a R$ 5 bilhões.

Conforme o levantamento da Setur, mais de 93 mil turistas estrangeiros visitaram o Estado durante a alta estação, 28,5 mil a mais que no período anterior (64,5 mil), além de mais de um milhão de brasileiros de outros estados. Ao todo, foram 1,12 milhão de visitantes, 4,2% a mais que na alta estação anterior (1,07 milhão).

 

arte turismo alta estação

Em média, o gasto per capita foi de R$2.550, 5,4% a mais que alta estação anterior, quando o gasto médio por turista havia sido de R$ 2.420. Com isso, o Estado recebeu a injeção de R$2,8 bilhões, equivalente a um salto de 9,8%. A renda gerada na economia local avançou na mesma proporção, chegando a R$ 5 bilhões. 

Onda de ataques

Para o secretário do Turismo, Arialdo Pinho, os resultados foram bastante positivos mesmo com o contratempo da onda de violência durante o mês de janeiro. "O Governo foi hábil no tratamento, o resultado foi rápido e foi contido a tempo, mas, de qualquer jeito, afeta o setor", afirma. Ele lembra que a expectativa era de um avanço da demanda turística entre 6% e 7%, englobando brasileiros e estrangeiros, que se concretizou em 4,2%.

O titular espera ampliar esse crescimento até o fim do ano. "Já voltamos a crescer, está normalizado, e a tendência de crescimento ainda neste ano é muito grande. Estimamos uma alta de 6% a 7% para o turista doméstico e de 20% a 22% para o internacional".

Entre os destinos cearenses mais visitados na última alta estação, de acordo com o balanço, destacam-se Jericoacoara, Canoa Quebrada, Porto das Dunas, Fortaleza, Cumbuco, Praia das Fontes, Morro Branco e Cariri.

São os principais emissores de turistas para o Ceará os estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Minas Gerais, Piauí e Bahia. Já entre os estrangeiros, a maioria dos turistas tem procedência da França, Itália, Alemanha, Argentina, Portugal, Holanda, EUA e Espanha.

Rede hoteleira

Entre os turistas que vieram ao Ceará na alta temporada, cerca de 566 mil (50,4% do total) ficaram hospedados em hotéis e pousadas, um aumento de 3,7% em relação ao período anterior. 

A ocupação da rede hoteleira da Capital nesta alta estação chegou a 77,9% contra 76,3% da temporada anterior. No período, a oferta de quartos da rede hoteleira da Capital também aumentou, passando de 11,4 mil a 11,8 mil leitos, uma alta de 4,1%.9 ( FONTE: BRASILTURIS)

 


Comentários





Document