Contribuição do Turismo para o PIB global deve crescer até 32% em 2022

Contribuição do Turismo para o PIB global deve crescer até 32% em 2022

Em meio a sua recuperação, o setor de Viagens e Turismo verá sua contribuição anual para o PIB global aumentar em menos de um terço em 2021, de acordo com uma nova pesquisa do World Travel & Tourism Council (WTTC). O órgão diz que a recuperação do setor tem sido prejudicada pela falta de coordenação internacional, restrições de viagens e taxas de vacinação mais lentas em certos países.

Em 2019, o setor de Viagens e Turismo gerou quase US$ 9,2 trilhões para a economia global, no entanto, em 2020, a pandemia quase que parou completamente o setor, o que resultou em uma queda de 49,1% (US$ 4,5 trilhões). Embora a economia global deva constatar um aumento de 30,7% de Turismo em 2021, isso representará apenas US$ 1,4 trilhão e é impulsionado principalmente pelos gastos domésticos com as viagens.

Conduzida pela Oxford Economics em nome do WTTC, uma pesquisa calculou um cenário de linha de base com base na implementação de vacinação global atual, confiança do consumidor e restrições de viagens flexibilizadas em algumas regiões do mundo. A pesquisa revela que, com a taxa atual de recuperação, a contribuição do setor de Turismo para a economia global poderia ver um aumento semelhante de 31,7% em 2022.

No ano passado, o WTTC revelou a perda de 62 milhões de empregos em viagens e turismo em todo o mundo e, com o ritmo atual de recuperação, os empregos devem aumentar apenas 0,7% este ano. Da mesma forma, a pesquisa mostra um potencial mais promissor de empregos ano a ano em todo o setor no próximo ano, em 18%.

“Nossa pesquisa mostra claramente que, embora o setor global de viagens e turismo esteja começando a se recuperar da devastação do Covid-19, ainda existem muitas restrições em vigor, uma distribuição desigual de vacinas, resultando em um recuperação mais lenta do que a esperada de pouco menos de um terço este ano”, disse Julia Simpson, CEO do WTTC.

De acordo com a pesquisa, a contribuição do setor para o PIB global e o aumento do emprego podem ser mais positivos neste ano e no próximo, se as seguintes medidas forem atendidas:

Permissão para viajantes totalmente vacinados se movam livremente, independentemente de sua origem ou destino final

Implementação de soluções digitais que permitem a todos os viajantes comprovar facilmente o status da Covid-19

Reconhecimento de todas as vacinas autorizadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS)

Acordo de todas as autoridades de que as viagens são seguras, com protocolos aprimorados de saúde e segurança.

A pesquisa mostra que, se essas quatro regras vitais forem seguidas antes do final de 2021, o impacto na economia global e nos empregos poderá ser significativo. De acordo com os dados, a contribuição do setor para a economia global pode aumentar 37,5% – atingindo US$ 6,4 trilhões este ano (em comparação com US$ 4,7 trilhões em 2020).

 (Fonte: Mercado & Eventos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *